O poder do sorriso

Sorriso 01

 

O sorriso é o “símbolo que foi classificado com o maior conteúdo emocional positivo”, conclui o cientista Andrew Newberg.

 

A ciência do sorriso: O que acontece com o nosso cérebro quando sorrimos.

Digamos que você tenha uma situação positiva, em que veja um amigo que conhece há anos. Isso significa que os sinais neuronais viajarão do córtex do cérebro para o tronco cerebral (a parte mais antiga do nosso cérebro). A partir daí, o músculo cranial leva o sinal para os músculos do sorriso no seu rosto.

Parece simples o suficiente, né?

No entanto, isso é apenas onde começa. Uma vez que os músculos do sorriso do nosso rosto se contraem, há um ciclo de feedback positivo que agora volta ao cérebro e reforça nosso sentimento de alegria.

“Sorrir estimula os mecanismos de recompensa do nosso cérebro de uma maneira que até o chocolate, um indutor de prazer já conhecido, não pode igualar”.

Sorrir, então, parece nos dar a mesma felicidade que o exercício induz e as maneiras de como nosso cérebro responde. Resumindo: nosso cérebro se sente bem e nos diz para sorrir, sorrimos e dizemos ao nosso cérebro que é bom e assim por diante.

É por isso que, em uma pesquisa recente, os cientistas concluíram que “sorrir pode ser tão estimulante quanto receber uma boa quantia em dinheiro”. Aqui está uma breve descrição dos diferentes músculos que os músculos cranianos ativam em nossa face:

 

smile

 

Sorrisos verdadeiros e falsos – podemos perceber a diferença?

Sempre que sorrirmos, há dois músculos em potencial que ativamos. O primeiro é o zigomático maior ele controla os cantos da boca. Sempre que esse músculo é ativado, não é realmente um sorriso genuíno. Os cientistas chamam isso de sorriso “social”. O segundo músculo, conhecido por mostrar sinceridade, é o oblíquo ocular e circunda a cavidade ocular.

O verdadeiro sorriso também chamado de o sorriso de duchenne, em homenagem ao famoso cientista que primeiro separou o sorriso de “cantos da boca” – apenas do “olho”. Aqui está uma comparação:

 

pic1

 

Nosso cérebro pode, de fato, distinguir facilmente entre o que é real e o que é falso. Na verdade, o pesquisador Dr. Niedenthal argumenta que há três maneiras de fazer isso:

  • Nosso cérebro compara a geometria do rosto de uma pessoa a um sorriso padrão.
  • Pensamos na situação e julgamos se um sorriso é sincero.
  • E o mais importante: nós imitamos automaticamente o sorriso, para sentirmos se é falso ou verdadeiro. Se for verdadeiro, nosso cérebro ativará as mesmas áreas do sorriso e poderemos identificá-lo como sincero.

 

Niedenthal, em seguida, experimentou com o quão importante é ser capaz de imitar sorrisos e se poderíamos ainda separar os sorrisos genuínos dos falsos:

Niedenthal e seus colegas pediram aos alunos que colocassem um lápis entre os lábios. Essa ação simples envolvia os músculos que poderiam produzir um sorriso. Incapazes de imitar os rostos que viram, os alunos tiveram muito mais dificuldade em dizer que sorrisos eram reais e quais eram falsos.

Então, o fato de não podermos experimentar por nós mesmos nos deixa quase incapazes de identificar qual sorriso é falso ou verdadeiro.


O que o sorriso faz à nossa saúde, sucesso e o sentimento de felicidade

Sorrir pode mudar nosso cérebro, através do poderoso feedback que discutimos acima. E o seu cérebro mantém o controle dos seus sorrisos, como uma pontuação do sorriso. Sabe com que frequência você sorriu e em que estado emocional em geral você está.

Sorrir reduz o estresse que seu corpo e mente sentem, quase semelhante a ter um bom sono, de acordo com estudos recentes. E sorrir ajuda a gerar mais emoções positivas dentro de você. É por isso que muitas vezes nos sentimos mais felizes com as crianças – elas sorriem mais. Em média, eles fazem isso 400 vezes por dia. Enquanto pessoas felizes ainda sorriem 40-50 vezes por dia, a média de nós só o faz 20 vezes ao dia.

Por que isso importa? Sorrir leva a diminuir os hormônios induzidos pelo estresse que afetam negativamente sua saúde física e mental, dizem os últimos estudos:

No famoso estudo do anuário, eles acompanharam a vida das mulheres que tiveram os melhores sorrisos nas fotos do anuário em comparação com as outras. As mulheres que sorriam mais viveram vidas mais felizes, casamentos mais felizes e tiveram menos contratempos. Aqui está uma amostra das mulheres do anuário observado. Eu deixo você adivinhar quem foi bem mais sucedido e quem não foi:

 

pic2

 

O estudo do cartão de beisebol também encontrou uma correlação clara entre o tamanho de um sorriso que alguém fez em uma foto de um cartão de beisebol e por quanto tempo viveria. As pessoas que sorriam mais viveram 7 anos a mais do que aquelas que não sorriram.
Naturalmente, o estudo acima apenas mostra uma correlação e não uma causa.

E o mais importante, sorrir pode ser aprendido. Ou, para ser mais preciso, re-aprendido. A maioria de nós esquece como sorrir genuinamente ao longo do tempo, à medida que adotamos sorrisos sociais cada vez mais.

Nos Retiros de Meditações Tântricas abordamos nas vivências meditações que envolvem o riso e o sorriso, assim como o choro e catarses, a meditação do riso experimentamos o riso mais gutural que existe, promovendo uma liberdade e bem-estar enormes devido a produção elevada dos hormônios da alegria e da felicidade como ocitocina e serotonina.

Sorriso 3

Por último: as mulheres sorriem mais do que os homens, aqui está algo interessante. A pesquisadora LaFrance concluiu que, no geral, as mulheres sorriam muito mais que os homens. Isso não vem apenas do fato de que eles podem ser mais felizes, mas também que, socialmente, é mais aceitável que as mulheres sorriam, diz ela. E não para por aí:

“Em geral, as mulheres são mais precisas do que os homens em detectar o que realmente está acontecendo com alguém, olhando para o rosto e ouvindo sua voz. É mais provável que as mulheres digam a diferença entre um sorriso sincero e um falso. ”

Fonte: Buffer.com, A ciência do sorriso: um guia para o gesto mais poderoso do mundo.

 

Zaki

Zaki Deva

Terapeuta Instrutor de Cursos e Imersões:

Workshop Imersão Ser Amor Para Casais
Curso Imersão em Massagem Tântrica
– Retiro de Meditação e Dançaterapia Tântrica
– Atendimentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s